ColunistaArquivo

  Esquentando nossos tambores ( Damião Ramos Cavalcanti)

    Esquentando nossos tambores           A política pública da Cultura, na Paraíba, acertou em cheio, ao se voltar mais às atividades interioranas, onde mais se preservam os costumes e os valores culturais. E foi assim que aconteceram revelações, até de ordem mística, de se concentrarem atenções especiais ao resgate e à valorização das culturas indígena, cigana

A boate Passargada (primeira parte) (Marcos Pires)

A boate Passargada (primeira parte)     Rose di Primo era a mais deslumbrante mulher brasileira em 1977. Várias vezes capa das revistas bacanas da época, foi a inventora da tanga, que incendiou nossa imaginação e as praias brasileiras. Pois bem, eu trouxe para a inauguração da minha boate não somente a glamorosa modelo, bem

MARIZ, UM POLÍTICO COERENTE (RAMALHO LEITE)

MARIZ, UM POLÍTICO COERENTE  O amigo velho Ernani Satyro , quando censurado por contestar o regime que  ajudara a implantar e lhe  exigiram coerência, respondeu bem humorado:“quem tem coerência tem idéia fixa e quem tem idéia fixa  é doido”. Logo, não se exija coerência dos políticos, pois a política é dinâmica e muda como as

A Bodega de Seu Joaquim ( Thomas Bruno Oliveira)

A Bodega de Seu Joaquim A bodega antiga do Sítio São João em 2014 A bodega de Seu Joaquim era antiga demais, adquiriu em meados dos anos 1980 já de outro dono, o Toinho, que a tinha como um bar. Ficava na parte alta da Rua, numa casa de frontão larga. Em toda sua frente

Hildeberto, ao saborear coisas inúteis ( Damião Ramos Cavalcanti )

            Hildeberto Barbosa não é um pássaro que se prende em qualquer gaiola, mesmo em tempos de isolamento; isola-se, mas, hora ou outra, não deixa de sair por qualquer saída, pela flexibilidade dos ponteiros, e voar, voar, seja sobre os mares da nossas praias, seja no céu de Aroeiras. Mas, em qualquer espaço, não

Loterias, você acredita? (Marcos Pires)

Loterias, você acredita?       Vem cá, você acredita mesmo que todos os cidadãos que ganharam prêmios milionários nas loterias (megasena, quina, lotofácil…) ficaram caladinhos depois que receberam a grana, sem comprar sequer um Lamborghini básico? Será que nenhuma esposa desses sortudos saiu por aí comprando bolsas Birkin de 20 mil dólares ou sapatos Loubotin? Porque

No tempo das rezadeiras (Thomas Bruno Oliveira)

No tempo das rezadeiras Dona Rita rezadeira de Boa Vista-PB (Doc ‘O Ramo’ no Youtube da Nova Consciência) Sou de um tempo em que as rezadeiras ocupavam um lugar social muito importante em nossas vidas, eram pessoas que tinham sua importância, muito bem vistas, sobretudo nas pequenas cidades e zona rural. Nas cidades maiores, as

    A APL circunstanciando vidas ( Damião Ramos Cavalcanti )

      A APL circunstanciando vidas                     O Cônego Mathias Freire vivia de teimosices. Dentre essas, esse padre nunca deu conselho melhor: “criemos  a nossa academia de letras”. Acordou cedo para celebrar sua Missa das seis e logo foi à casa de Coriolano de Medeiros para reunir outros intelectuais e escritores que os

A GUARDA NACIONAL E OS CORONÉIS (RAMALHO LEITE)

O meu avô, José Rodrigues da Costa Neto, era tenente da Guarda Nacional. Nunca vi o titulo que lhe teria sido conferido, mas lembro da sua espada prateada  presa a um suporte de madeira, próximo ao teto da casa grande do engenho Poço Escuro, do qual era o Senhor.Falava-se que herdara o título e espada

MENTIROSOS ( MARCOS PIRES )

  Mentir é uma arte. Tão difícil de ser praticada que vez por outra alguém é flagrado mentindo. São os amadores, aqueles que não se prepararam devidamente para exercer esse discutível ofício. O verdadeiro mentiroso é uma espécie de mágico que tem sempre de manter seus truques em segredo. Esses profissionais sabem que para cada

Opinião: na política já vimos até boi voar. Será que vamos ver comunistas aliados ao bolsonarismo? (Wellington Farias)

Opinião: na política já vimos até boi voar. Será que vamos ver comunistas aliados ao bolsonarismo?   Nos círculos políticos há um ditado recorrente segundo o qual até boi voa na política da Paraíba. Mas, será que vamos ver boi voando de cabeça pra baixo? Por boi voando de cabeça pra baixo leia-se o Partido

Quando entrar setembro (Thomas Bruno Oliveira)

Quando entrar setembro Singelo Ipê Branco no Açude Velho – Campina Grande-PB Vários meses de isolamento se passaram. N’um relance, espio o calendário e percebo que depois da repetição de dias eternos, amanhã já é setembro. Inúmeras coisas vêm em minha mente. A pandemia ainda apavora, o descuido da população, das autoridades também. Meu Deus

Morrer é fácil. Difícil é envelhecer (MARCOS PIRES)

Morrer é fácil. Difícil é envelhecer     O obvio; todos vamos morrer, porém nem todos conseguiremos envelhecer. O não tão obvio é que a morte (um fato absolutamente certo) nos preocupa diariamente, apesar de jamais podermos fazer algo que melhore a sua chegada, que suavize o temor de sua presença. Porém a velhice pode

Opinião: PMJP pagou salários de secretária que não dava expediente há mais de ano? Isso pode Arnaldo?!

Opinião: PMJP pagou salários de secretária que não dava expediente há mais de ano? Isso pode Arnaldo?! Deu na “ráida”, nesta sexta-feira (04): a ex-secretária de Desenvolvimento Urbano de João Pessoa, Vaulene Rodrigues, deixou de comparecer ao experiente, na Prefeitura de João Pessoa, há pelo menos um ano e meio. A notícia foi veiculada no

O que aprendi com essa pandemia ( Marcos Pires )

O que aprendi com essa pandemia   Perdi 12 amigos desde março, quase todos vítimas do Covid. Alguns deles esconderam-se em casa ou em fazendas, mas o vírus os descobriu lá. Portanto, a minha primeira lição foi a de que o “fique em casa” não é tão absoluto assim. Absolutos são o uso das mascaras

    Linduarte Noronha, seu cachimbo, sua genialidade (   Damião Ramos Cavalcanti )

      Linduarte Noronha, seu cachimbo, sua genialidade           Ao se comemorar seus 90 anos, tudo me perguntei sobre Linduarte Noronha e não sei quando começou a fumar cachimbo. Talvez ao ver Fellini cachimbando, ao rodar algum filme. Linduarte era um homem de genialidades, bem nossas, mas influenciadas por geniais diretores de cinema. Ainda muito

Produtor musical Arnaldo Saccomani morre aos 71 anos

Arnaldo Saccomani, produtor musical conhecido por ter sido jurado de programas como Ídolos e Qual É o Seu Talento, morreu na madrugada desta quinta-feira (27) aos 71 anos de idade, apenas três dias depois de seu aniversário. A informação foi confirmada para Quem pela filha de Arnaldo, Thais Saccomani Arnaldo Saccomani, produtor musical conhecido por

Me levaram 50 (Thomas Bruno)

Me levaram 50 Tomada da Duque de Caxias. No alto da imagem, a famosa feira de troca Estando em Campina Grande, um dos passeios favoritos de domingo é ir à Feira da Prata, território mágico e histórico da cidade, sinônimo de alegria e luta de um sem número de trabalhadores que em uma curiosa harmonia

Opinião: RC é muito forte para disputar a PMJP. Mas, não sendo ele próprio o candidato, a coisa muda de figura

Opinião: RC é muito forte para disputar a PMJP. Mas, não sendo ele próprio o candidato, a coisa muda de figura Na próxima quinta-feira (27), será julgada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a Ação de Investigação Judicial Eleitoral impetrada contra o ex-governador Ricardo Coutinho, denominada Aije do Empreender. Se por ventura for condenado, RC terá

Análise – Nilvan já se deu conta de que está sendo enrolado pelo MDB: “Meu partido é o povo” ( Wellington Farias )

Análise – Nilvan já se deu conta de que está sendo enrolado pelo MDB: “Meu partido é o povo” O comunicador Nilvan Ferreira, cajazeirense que se lançou à pretensiosa aventura de disputar a sucessão do prefeito Luciano Cartaxo (PV), na Prefeitura de João Pessoa, sinalizou já haver entendido que pode estar sendo “enrolado” pelo seu

PORQUE A PM INVADIU O CABO BRANCO ( RAMALHO LEITE )

PORQUE A PM INVADIU O CABO BRANCO   No tempo em que o cinema ainda era “a maior diversão”, o então governador da Paraíba, Osvaldo Trigueiro de Albuquerque Melo (1947-1950) costumava frequentar as principais casas de exibição desta cidade de Nossa Senhora das Neves. Saia do Palácio, a pé, e como qualquer cidadão entrava na

    A Cultura tudo vence ( Damião Ramos Cavalcanti )

      A Cultura tudo vence           Inclusive, relativamente a si própria, a Cultura tudo vence, vai muito além daqueles que a criaram, realizaram-na e a ensinaram a outras gerações, que herdaram valores, costumes  e patrimônio cultural. A humanidade, tendo a Cultura como companheira, caminha e tem enfrentado circunstâncias transtornadoras, inevitáveis na nossa existência. Nunca

Centrão, o verdadeiro dono do Brasil

Centrão, o verdadeiro dono do Brasil   MARCOS PIRES Acho que todos vocês sabem qual é a realidade nas cadeias do Brasil. O sujeito que acaba de ser preso entra na cela botando moral, dizendo que faz e acontece e os presos mais antigos só observando. Quando o recém-chegado dá uma bobeira vão lá e

Opinião: aliança PP/Cidadania: ótimo para Cícero. E para João? (Wellington Farias)

Opinião: aliança PP/Cidadania: ótimo para Cícero. E para João? Para fazer-se líder, necessariamente o político precisa estar sempre na posição de protagonista. Líder comanda, orienta; seduz a atenção e o sentimento dos seus liderados. Em suma: quem não protagoniza não lidera. No que pesem os seus méritos enquanto gestor – e de estar tocando o

Calçadão da Cardoso Vieira (Thomas Bruno Oliveira)

Calçadão da Cardoso Vieira Calçadão em uma manhã de domingo Desde meados de março que não temos a graça de passear pela cidade. Como gosto de andar! Sem receio, sem culpa, ver as inesgotáveis faces da urbe; me encanto como o Marcovaldo – do escritor Ítalo Calvino – com as coisas mais simples, plantas nascendo