ERRO DE VITAL DO REGO PODE PREJUDICAR ESTADOS E MUNICÍPIOS
  • Post author:
  • Post category:Sem categoria

Um erro primário do senador paraibano Vital do Rêgo Filho (PMDB) foi destaque na mídia nacional e pode prejudicar a aprovação do projeto de distribuição dos royalties do petróleo, em tramitação no Congresso Federal.

A “escorregada” do senador foi destaque nacional no blog da coluna Radar, da revista Veja, assinado pelo jornalista Lauro Jardim. Segundo o colunista “a perola, de autoria de Vital do Rêgo, vem com uma tabela que mostra a escalada da participação que caberá a municípios, estados e União nos próximos anos. Pois bem, de acordo com ela, a partir de 2017, a União ficará com incríveis 101% do valor gerado por royalties! Só um detalhe: neste caso, como se trata de um montante de recursos, 101% não existe, obviamente”.

Confira a nota:

Royalties: erro primário

Discussões acaloradas, incansáveis debates e palpites ornamentaram a tramitação do projeto dos royalties no Congresso. Mas não foram suficientes para alertar os parlamentares de uma escorregada amadora no texto vindo do Senado e aprovado na Câmara.

A pérola, de autoria de Vital do Rêgo, vem com uma tabela que mostra a escalada da participação que caberá a municípios, estados e União nos próximos anos. Pois bem, de acordo com ela, a partir de 2017, a União ficará com incríveis 101% do valor gerado por royalties!

Só um detalhe: neste caso, como se trata de um montante de recursos, 101% não existe, obviamente.

A combalida bancada do Rio estava atônita ao final da votação. E Alessandro Molon, especialmente, incrédulo com a bizarrice:

– Ninguém viu esse detalhe bisonho. A Dilma vai ter que vetar