DEMOROU MAS ACHOU : RC Até que enfim acha Vava da Luz escondido nos canos da Cagepa de Ingá
  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
Vava da Luz com Deusdete Queiroga, Jorge Gurgel e Marcos Tulio

Passados poucos dias de uma reunião com a Presidencia e Diretoria da Cagepa onde foi elogiado, reconhecido, gratificado, e lhe auferido mais autonomia e abrangencia no Sistema Acauã de Abastecimento d’agua, o Coordenador da Cagepa de Inga, Sr Walter Mario Gois da Luz, conhecido Ingacionalmente como VAVA DA LUZ teve o privilegio e consideração de ser convidado mais uma vez a mesma mesa diretora, só que desta, para entregar-lhe um aviso de EXONERAÇÃO SUMARIA.

-O Presidente da Cagepa , Deusdete Queiroga, amigo pessoal do Coordenador não se propôs a execução do fato e encomendou o Dr Jorge Gurgel, aquele das informações contraditórias, que foi logo dizendo não serem eles o idelizador daquela medida, apenas cumpriam ordens.


Tudo bem, tudo bem, sair da cagepa todos sabem que era uma coisa que o Vava já vinha anuncindo ha muito tempo com publicaçoes no seu Blog, agora com sinceridade, ele não esperava ser demetido por conta do trabalho sério que vem exercendo frente a aquela coordenadoria.


Acontece que Vava da Luz tem um grande defeito, é amigo fiel de Lucciano Agra, e querem voces maior defeito? A cagepa e sua GERENCIA pouco importa quem trabalha ou não, ela é apenas um CABIDE de empregos do  onde quem não trabalha muito ganha e  quem trabalha muito, ganha pouco .


È ela uma uma empresa tão viável que sucessivas INGERENCIAS (Exceto Aracilba) tentam quebra-la e não conseguem e não tem DEUSDETE, GURGEL, o cão, que dê jeito, pois ela não se interessa em cobrar nem fiscalizar apenas em empregar e tomar empréstimo como no dia que assinei minha exoneração tinha um de 34.000.000,00 para ser assinado, se entrando ou saindo eu não sei nem cabe a mim saber.


Ora se um empresa onde a Presidencia com toda sua Diretoria não conseguem manter um funcionario que está trazendo divisas, aumentando receitas, moralizando enfim, imaginem o dinheiro do emprestimo, não vão ver nem o azul.