PAPO D’SQUINA (com Pedro Marinho)
  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
O MP INVADE COMPETÊNCIA DA POLÍCIA

Na última quinta-feira, aproveitando a insegurança e violência que atravessa no momento a nossa capital, o Ministério Publico anunciou através da imprensa, que iria implantar o Programa “Bairro Sem Medo, inicialmente na capital, mais precisamente no Bairro de Mandacaru e depois em outras cidades e para tanto iria contar com a colaboração da Polícia Militar e Polícia Civil. Confesso que não entendi absolutamente nada, pois ficou bastante claro a invasão de competência do MP, querendo atuar numa área que definitivamente não lhe diz respeito, naturalmente desejando faturar politicamente com o tema tão em moda.Percebendo a manobra, o comando da Polícia Militar na mesma quinta-feira saiu na frente e já realizou operações no bairro citado pelo MP, com certeza enviando o recado que a competência de tais ações é da polícia, jamais do Ministério Publico.

EFRAIM DENUNCIADO PELO CORREIO BRAZILIENSE

O Jornal Correio Braziliense que há muito tempo vem pegando no pé do senador Efraim Moraes, denunciou ontem que o mesmo realizou uma manobra ousada, ou seja, vai acumular rendimentos durante a transição, recebendo como secretário de Infraestrutura do Estado da Paraíba e como senador. O senador assumiu a Secretaria de Infraestrutura da Paraíba, mas não comunicou oficialmente à Secretária-Geral da Mesa a licença ou a renúncia. Assim, ele acumulará, em janeiro, o salário de secretário de Infraestrutura do estado e o subsídio de senador. Da Casa, ele ainda receberá os R$ 16,5 mil de janeiro, mais o salário do fim do mandato e mais benefícios. No estado, o salário de secretário é de R$ 18,2 mil, a partir de fevereiro. Difícil é acreditar que o governador Ricardo Coutinho vá aceitar o pagamento do salário de secretário para Efraim, sem que o mesmo tenha dado um dia de expediente, como secretário


RICARDO MARCELO DESTACA ESFORÇO DO GOVERNADOR

Surpreendendo a todos, já que esteve durante a última campanha ao lado do governador José Maranhão, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Ricardo Marcelo (PSDB), comentou, ontem (07.01), que as medidas anunciadas pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) apontam para um esforço, na busca de equilíbrio fiscal e orçamentário. “Sem esse equilíbrio, é impossível se alcançar o grande salto de desenvolvimento que a Paraíba confia”, disse. Segundo Ricardo Marcelo, o Poder Legislativo vai com certeza colaborar com essa busca. Ele frisou que, já em sua mensagem, destacou que não haverá problemas com parcerias com o Executivo. Essa alma quer reza.

O CONVITE DE BATINGA QUE NINGUÉM VIU

Ninguém sabe ninguém viu, mas o agora sem mandato Carlos Batinga andou pregando pela imprensa que teria sido convidado pelo ministro das Cidades, Márcio Negromonte, para assumir importante cargo naquela Pasta. Agora assessores de Carlos Batinga espalham que ele deverá recusar o convite. Em contato com a imprensa, o deputado o deputado disse que ainda está avaliando e não confirmou que irá aceitar o convite. Tal convite está parecendo aquela famosa história que um aliado teria procurado Tancredo Neves, então recém eleito governador de Minas Gerais e dito: ‘Governador, não sei mais o que faço as pessoas não cansam de perguntar se serei secretário, o que faço?.”Ao que respondeu Tancredo: “Diga que foi convidado e que não aceitou.”

TROCÓLLI QUER DESCARTAR JOSÉ MARANHÃO

O deputado estadual reeleito Trócolli Júnior, ficou conhecido por andar 24 horas seguindo o ex-governador Jose Maranhão, tanto que o ex-mandatário tinha o sonho de nomeá-lo conselheiro do Tribunal de Contas, o que não ocorreu tendo em vista que Trocolli conseguiu a proeza de perder o pleito dentro da Assembleia Legislativa para Arthur Cunha Lima. Ontem cuspindo no prato que comeu, Trocolli vem defendendo que o PMDB seja comandado por políticos detentores de mandato, a exemplo dele e de seus colegas Doda de Tião e André Gadelha eleitos, o que deixaria de cara o ex-governador José Maranhão e o atual presidente do partido Antônio Souza ficariam de fora da disputa.Para Trócolli, que inclusive já colocou seu nome a disposição para o cargo de presidente do PMDB, é preciso que integrantes do partido que detenham mandato tenham uma maior participação. Pois é, gratidão hoje em dia é muita rara, principalmente entre os políticos.

RÔMULO MAGOADO JÁ APÓIA LUCIANO AGRA

Ainda magoado com a direção do seu partido, o vice-governador Rômulo Gouveia (PSDB) resolveu se antecipar a qualquer orientação da legenda e já declarou apoio à reeleição do prefeito de João Pessoa, Luciano Agra (PSB) em 2012. Agra, nos últimos dias, tem demonstrado interesse em concorrer. O apoio de Rômulo surpreendeu por um detalhe: os próprios tucanos deverão ter uma candidatura também o que não sensibilizou Rômulo que ressaltou que sua posição em apoiar Agra nas próximas eleições municipais é definitiva. Pense numa magoa.

OS DEVEDORES DA CAGEPA

Algumas empresas citadas como devedoras da Cagepa realmente chamaram a atenção, principalmente os nomes de doze hospitais de João Pessoa e Campina Grande, sendo alguns estatais. Como se sabe, os hospitais particulares ganham muito dinheiro e, portanto inexplicável o calote. Outro nome na relação que causou muita estranheza é a do Ouro Branco Praia Hotel, que deve R$ 241.620,09, quantia considerada pequena para uma empresa de tal porte, cujo hotel vive constantemente lotado. Por falar em calote, o governador já afirmou com todas as letras que os bacanas ou pagam a Cagepa ou serão cobrados na Justiça. Vôte.

Esta coluna é publicada em cinco portais e no http://blogdopedromarinho.blogspot.com