Setor de serviços na Paraíba registra crescimento de 12,4%, revela IBGE

O volume de serviços prestados na Paraíba manteve pelo terceiro mês seguido a taxa de expansão acima de dois dígitos no mês de outubro, quando comparado ao mesmo mês do ano passado, segundo a Pesquisa Mensal de Serviços do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada nesta terça-feira (13). Dados da pesquisa mostram que a Paraíba registrou alta de 12,4% em outubro, o que representa mais uma vez acima da média do País, quando cresceu 9,5%.

 

Em outubro, a taxa paraibana registrou a segunda maior do Nordeste e a 6ª do País. No Nordeste, a Paraíba (12,4%) praticamente ficou empatado com o Estado de Alagoas (12,5%), que ficou com a liderança. No país, os Estados de Mato Grosso (35,8%), Tocantins (23,8%), Amapá (16,8%), São Paulo (12,7%), Alagoas e a Paraíba (12,4%) apresentaram os maiores crescimentos.

 

A Paraíba também mantém o crescimento acima de dois dígitos no indicador do acumulado de janeiro a outubro. Com expansão de 12%, o setor de serviços da Paraíba expandiu no acumulado dos dez meses deste ano sobre a média nacional (9,5%).

 

Segundo dados do IBGE, houve expansão em todas as cinco atividades na comparação de outubro do ano passado em 67,5% dos 166 tipos de serviços investigados. Entre os setores, o de transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio exerceu a principal contribuição positiva sobre o volume total de serviços. Os demais avanços vieram de informação e comunicação; dos profissionais, administrativos e complementares; dos prestados às famílias e de outros serviços (6,5%).

Secom