ESCOLA DO BAIRRO DA ESTAÇÃO DE INGÁ , UM EXEMPLO A SER SEGUIDO (Veja vídeo)

Governo da Paraiba

‘Falta de disciplina nas escolas gera desrespeito às pessoas’, essa foram as palavras proferidas pelo deputado Edmilson Soares em plenário dias atrás.

E é a grande realidade dos dias de Hoje, onde o Professor que já foi autoridade máxima, hoje não passa de um vulto  a mais em sala de aula, desprovido de qualquer autoridade.

No bairro da estação de Ingá, a escola Djalma Rodrigues por meio de seus Diretores e Docentes começa, e tudo tem que ter um começo, a adotar o que deveria ser obrigatório, a execução do Hino nacional para seus Discentes.

Como podemos ver em video acima, todo começo é dificil, principalmente para crianças que nunca ouviram falar em casa nem no seu cotidiano a grandeza do significado daquele tão importante ato. de civismo.

Por favor, não desistam, façam dessa tarefa uma prioridade, pois com respeito, disciplina e ordem, evitaremos tragédias como a de Suzano em São Paulo. Nossos mais efusivos Parabéns.

A importância de cantar o hino nacional nas escolas

 

Algumas vezes me encontro a pensar: Qual o objetivo de ensinar o Hino Nacional na escola? O hino nacional é um símbolo da pátria, representa o nosso povo e a valorização do nosso país.

Como fazia minha eterna Professora aqui no Ingá, Dona Lourdes Pequeno de Medeiros, deve ser trabalhado nas escolas pois muitos alunos apresentam dificuldades de entendê-lo. Deve ser trabalhado a letra e seu significado. As palavras que aparecem são da época que foi criado. O vocabulário pertence ao século XIX. É diferente de hoje.

Quando for trabalhar o hino, a primeira atividade que deve ser feita é pedir aos alunos que procurem o significado das palavras desconhecidas do seu vocabulário.

Segundo pesquisas, o brasileiro não sabe também nada da Bandeira Nacional. Falta trabalhar nos ambientes escolares a conscientização da importância dos símbolos da pátria para a história do Brasil.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *