APL publica edital para disputa por cadeira vaga de imortal

APL
Academia Paraibana de Letras (Foto: Arquivo/Jornal CORREIO)

 

APL publica edital para disputa por cadeira vaga de imortal

Interessados em participar da disputa têm 60 dias para realização de inscrições. Acadêmico(a) eleito(a) ocupará a cadeira de número 32

A Academia Paraibana de Letras (APL) publicou um edital através do qual declara vaga a cadeira 32, anteriormente ocupada pelo acadêmico Wills Leal, escritor e jornalista falecido no último dia 7 de maio.

Com a declaração, a APL anuncia que estão abertas as inscrições para os interessados na disputa pela ocupação da cadeira de imortal, no período de 60 dias, que deverão ser realizadas na secretaria da APL, das 9h às 12h, nas segundas, quartas e sextas-feiras, obedecendo às exigências regimentais e o prazo estabelecido.

Confira abaixo o edital na íntegra:

O Presidente da ACADEMIA PARAIBANA DE LETRAS – APL:

Considerando o Estado de Emergência em Saúde Pública de importância Nacional (ESPIN), decretado pelo Ministério da Saúde por meio da Portaria nº 188, de 03 de janeiro de 2020, em virtude da disseminação global da infecção pelo Coronavírus (COVID-19), nos termos do Decreto Federal nº 7.616 de 17 de novembro de 2011;

Considerando o Decreto Estadual nº 40.122 de 13 de março de 2020, que decretou Situação de Emergência e de isolamento social, no Estado;

Considerando a decisão do Conselho Diretor de suspender qualquer evento na APL e prorrogar a homenagem póstuma ao imortal Wills Leal, quando seria proclamada a vaga e início do Processo Eleitoral de acordo com o Art. 7º do Estatuto Social, combinado com o Art. 16 e 17 do Regimento, da APL, declara:               

1º. Vaga a Cadeira 32, anteriormente ocupada pelo acadêmico Wills Leal;

2º.  Abertas as inscrições, no período de sessenta dias, que deverão ser realizadas na Secretaria da APL, das 9 às 12 horas, nas 2ª, 4ª e 6ª feira, obedecendo as exigências regimentais e o prazo estabelecido, a partir da data da publicação deste Edital.  

                                                    João Pessoa,  15 de julho de 2020 

                               Damião Ramos Cavalcanti

                                     PRESIDENTE