DESÍGNIO DE DEUS : Mulher sem rosto diz não ter amigos, só a familia

A indiana Khadija Khatoon, de 21 anos, nasceu com uma rara condição genética que causa inchaços e crescimento anormal dos tecidos nervosos

Os olhos, nariz e queixo da indiana Khadija Khatoon, de 21 anos, desapareceram de sua face. A boca é uma pequena abertura na lateral do rosto disforme. Os medicos acreditam que as feições foram distorcidas devido a neurofibromatose, doença genética que causa inchaços, protuberâncias e crescimento anormal de tecidos nervosos. 

Khadija Khatoon perdeu suas feições por causa do crescimento excessivo da pele do rosto

Reprodução

Khadija Khatoon perdeu suas feições por causa do crescimento excessivo da pele do rosto

A indiana nasceu em casa e aos dois meses foi levada ao hospital por causa da anomalia. Depois de passar por vários testes até completar 18 meses, os médicos disseram aos pais de Khadija que não poderiam fazer nada por ela, então eles nunca mais procuraram ajuda. A situação só piorou com o passar dos anos e a pele extra não para de crescer. 

“Passo os dias pensando, conversando com minha mãe e passeando por perto da minha casa. Sou feliz nessa vida e não quero fazer cirurgia porque corro risco de morte”

Devido a sua condição, Khadija nunca foi à escola e tudo o que sabe aprendeu com seus cinco irmãos. “Eu não tenho amigos de verdade, mas tenho uma família. Eles são meus únicos amigos e eu os amo. Meus pais são o meu mundo, eu não falo com estranhos”, contou ao jornal britânico “Daily Mail”. 

Khadija gosta de brincar com crianças

Reprodução

Khadija gosta de brincar com crianças

Mesmo assim, ela garante que é feliz e não quer passar por cirurgia para retirada do excesso de pele. “Isso não é um problema, vivo como eu sou. Passo os dias pensando, conversando com minha mãe e passeando por perto da minha casa. Sou feliz nessa vida e não quero fazer cirurgia porque corro risco de morte.” 

A boca de Khadija é uma abertura ao lado do rosto

Reprodução/ DailyMail

A boca de Khadija é uma abertura ao lado do rosto

Khadija foi descoberta por Rupak Dutta, um oficial do governo, enquanto andava na rua. Ele sentiu que deveria fazer alguma coisa e postou uma foto dela no Facebook pedindo por ajuda. Agora ele está em contato com ONGs locais para conseguir consultas com especialistas e discutir uma possível cirurgia.

Uma página foi criada para arrecadar fundos para Khadija e sua família, que possuem uma condição financeira crítica. 

iG/VAVADALUZ

Comentários

  1. Por Roberto Justino

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *